quinta-feira, 3 de maio de 2012

DIREITO DE FALAR


Na última terça-feira publiquei aqui neste blog, uma matéria sobre os acontecimentos envolvendo o Partido dos Trabalhadores - PT, no tocante a decisão de apresentar candidatura própria nas eleições municipais deste ano, com o titulo: SERÁ MESMO O FIMDOALUGUEL OU SÓ A MUDANÇA DE INQUILINO?, hoje recebi o texto a seguir, supostamente enviado pelo professor Adahilson, mostrando que informação dada por mim estava errada. Segue abaixo o texto na íntegra recebido por mim:
"Prof. Adahilson disse...
Primeiramente quero agradecer e elogiar por mais esse meio de comunicação que só faz engrandecer a democracia. Depois quero esclarecer os fatos. Eu Prof. Adahilson quero afirmar que sou e sempre fui a favor de candidatura própria. Tanto e, que na historia de Camocim nessa mais de 100 anos fui o único que mantive ate o final candidatura como uma terceira via. Foram em dois momentos: 2000 e 2004. Quero informar que não deleguei nenhuma pessoa para falar por mim. Em breve estarei em Camocim para enfileirar com meus companheiros para um embate. No momento encontro-me perto de minha mãe que tem a doença de Alzaimer e esta em fase terminal. Agora não aprovo este momento que esta passando o PT de Camocim, com picuinhas e querelas pessoais. Devemos olhar mais adiante e discutir um projeto maduro para essa população sofrida e que se encontra á margem. Desde já agradeço e um abraço.
OBS: não sei se dirijo a vaca profana que assina a matéria ou ao meu amigo Mauricio Lima"
Assim, fico feliz em saber que o professor Adahilson, pessoa que tanto admiro e respeito, se mantém íntegro a causa máxima da liberdade de escolha e ao respeito das decisões democráticas. Quero ainda deixar bem claro que o professor não foi e nem está no meio dos que podem perder seus empregos caso essa candidatura própria seja mantida pela Direção Municipal do PT.
Professor Maurício Lima

Um comentário: